Tuesday, January 15, 2008

ENTRE A FRUSTRAÇÃO E A SAUDADE





Fim da manhã de um lindo dia do Inverno Romano! Boa compensação para a chuva e o frio que ultimamente nos têm atormentado: adivinha-se esta preciosa claridade solar através dos janelões que dão para o pátio borrominiano – os italianos chmam-lhe cortile, palavra muito mais simpática –, onde, durante mais de dois séculos, os oratorianos rezaram, passearam, conversaram e certamente também discutiram. Discussões de bom nível intelectual, como competia a quem, graças à generosidade de um humanista português, tinha à mão, em sua própria casa, a maior e a mais bem dotada biblioteca pública, fora dos muros do Vaticano.
Pobre Aquiles Estaço!
Já com o material de trabalho nos braços, antes de me retirar da sala de leitura e estudo, olho pela última vez a expressão daquele sorriso sofrido, que parece trazer consigo todo o desencanto de uma vida em que as amigos se foram escapando, um a um, até fiacrem só os livros.
Os livros, que acabaram também por esquecê-lo, tantas foram as amnésias que os assaltaram, desde que sairam das mãos do seu proprietário.
Sacudo um mau pensamento que me agride com violência, como a querer que a frustração vença a saudade, e os sentimentos com que saio deste edifício da última fase do barroco romano, desdigam de tudo o que vivi o longo destas semanas: momentos altos de encontro com o passado de uma cultura mais que milenar e o presente de uma fé que só para os distraídos se confunde com ela; e ainda, horas de alegria esfusiante com amigos de tantos lados... alguns que teimam em fazer-me crer que não terei o destino de Aquiles Estaço.
Também, diga-se em abono da verdade, as grandes frustrações que emolduram a história de certos personagens têm a medida das suas vidas: quem caminha na planície, não está em perigo de rolar pela encosta abaixo.
Vou guardar as saudades.
Roma é um bom sítio para rezar, estudar e divertir-se com os amigos.
Daqui, deste portal da Chiesa Nuova, um abraço para todos os que me ajudaram viver de modo humano estes dias passados nas margens do Tibre.

11 Comments:

Anonymous Guida said...

Embora os livros sejam bons companheiros de viagem..importa não nos fecharmos aos outros que querem a nossa companhia!!..Se calhar foi o que aconteceu ao Aquiles Estaço..ficou-se com os seus livros..sem espaço para os amigos..

Foi um prazer a estadia em Roma...Para quando o próximo "programa"?...Aqui vai o Ganso...

4:23 AM  
Blogger Augusto Ascenso Pascoal said...

O quê?... Ah! O ganso!
Pois... não posso nem quero comaparar-me com homens com o Aquiles Estaço.
Fico cá mais por baixo, ainda que me sinta muito feliz quando os amigos sobem, sobem, sobem... até que também ficam sem tempo para mim.
Onze limões... meio limão... Assim devagarinho vai.
Beijinhos para todos
AP

9:29 AM  
Anonymous Guida said...

Então e já regressamos..ou decidimos ficar mais uns dias a treinar "onze limões ..meio limão"..

Essa treta de amigos sem tempo...parece-me mal contada!!..mas depois falamos..

Com saudade

6:46 AM  
Blogger Augusto Ascenso Pascoal said...

Não, não fiquei por Roma, embora me apetecesse. Treinar isso de onze limões... etc, só com quem me ensinou.
Pois. Temos mesmo de conversar. Mas eu não falei de amigos sem tempo. Falo de amigso que sobem... E olha que não tenho inveja nem ciúmes. Para os amigos sempre desejamos o melhor. O que acontece é que muitas vezes o melhor para eles significa ficarmos mais longe. E, se eles sobem, ficamos na planície, um pouco menos acompanhados.

3:55 PM  
Anonymous Joana Marques said...

Olá! Com as saudades destas férias bem vivas, e impossibilitada pela distância de estar presente no jantar ontem, vim aqui dar um beijinho especial! Que tal o balanço desta estadia?

Um grande beijinho e espero que no próximo encontro eu possa estar presente!!

3:08 PM  
Blogger Augusto Ascenso Pascoal said...

Pois, querida Joana, bem vi que toda a gente ficou com pena de te não ver, mas todos compreenderam... até a Matilde, que não podias estar presente.
Quanto ao resto, ainda agora enviei um mail para o Doutor André a informá-lo de que, apesar de não ter conseguido realizar o programa que me levou a Roma, foram uns dias maravilhosos. Principalmente a semana de 25 a 31 de Dezembro. Foram umas lindas férias.
Até breve.
AP

3:46 PM  
Anonymous Guida said...

Então..e este blog está parado...não se passa aqui nada??..Novidades...

4:41 AM  
Blogger AUGUSTO ASCENSO PASCOAL said...

Perdi a resposta! Mais uma vez, a informática denuncia o meu dsfasamento etário.

6:56 AM  
Blogger AUGUSTO ASCENSO PASCOAL said...

Perdi a resposta! Mais uma vez, a informática denuncia o meu dsfasamento etário.

6:57 AM  
Blogger AUGUSTO ASCENSO PASCOAL said...

O texto era mais ou menos este:
Quando se está muito tempo fora do mundo real, precisamos de mais tempo ainda para evitar acidentes de percurso: porque às vezes acontece que esse mundo real já não existe. Tenho andado a seleccionar os temas, e o resultado é mutas vezes ficar sem nada. Talvez tenha vindo de Roma mais tímido!!!

7:02 AM  
Blogger lena jesus said...

De qualquer forma, já se sente a falta de novos posts... Aguardamos nos 4 cantos do mundo...

12:26 PM  

Post a Comment

<< Home